33


Leia a primeira parte deste post aqui…

Desistir de um casamento é a última opção, depois de várias tentativas sinceras de salvá-lo. Mas às vezes é a única saída. Quero estressar novamente que apesar desta orientação, a decisão de continuar ou não no seu casamento é exclusivamente sua. Oriente-se, informe-se, considere—sim, mas no fim das contas a decisão é apenas sua, pois é você que terá de viver com ela depois.

Falei anteriormente sobre o que você deve considerar e fazer antes de pensar em desistir do seu casamento. Portanto, meu conselho abaixo é apenas para pessoas que já seguiram aqueles passos. Tenho visto milhares de pessoas salvarem seu casamento e passarem a viver felizes depois de seguir nossos conselhos. Portanto, não pense logo de cara que seu casamento não tem mais jeito e que a única solução é o divórcio.

Muitas vezes quando estamos nos piores momentos da relação, com as emoções à flor da pele, o pensamento de desistir é muito forte. Mas quase nunca é a solução certa. Lembre-se também que muitas vezes você pensa em desistir mais como uma solução para a dor emocional que está sentindo do que como uma solução permanente propriamente dita. Fugir do problema não lhe ensina nada para o próximo relacionamento—a não ser fugir novamente quando os novos problemas vierem. Portanto, a decisão de deixar seu cônjuge não pode ser emocional, mas racional—e por isso nunca deve ser tomada no calor das emoções.

Muitos citam as palavras de Jesus “O que Deus uniu, não separe o homem” para dizer que o divórcio nunca é uma opção porque desagrada a Deus. Esteja certo de uma coisa: todo divórcio desagrada a Deus. Não tenha dúvida. Porém, o próprio Deus permitiu o divórcio em casos de traição. Não porque Ele quis assim, mas porque Ele não deseja impor sobre a pessoa traída vergonha e dor ainda maiores. Portanto, se o traído quiser divorciar, Ele permite.

Considere também a primeira parte deste versículo: “O que Deus uniu, não separe o homem.” O que Deus uniu não deve ser separado pelo homem. Eu creio nisso. Agora lhe pergunto: você crê que todo casamento acontece porque Deus uniu aquelas duas pessoas?

Eu não. De forma nenhuma. Ouso até dizer que muitos, muitos casamentos não são feitos por Deus. As pessoas se casam pelos motivos mais banais: para sair da casa dos pais, para assumir uma gravidez inesperada, para concorrer com amigos e parentes que já casaram, para agradar (ou desagradar) os pais, para ter um companheiro de sexo, para ter filhos, para se dar bem financeiramente… e muitas outras razões. Não me diga que é Deus que une essas pessoas.

Portanto, há casais sim que nunca deveriam ter se unido. Não foi a vontade de Deus. É bem verdade que se eles se voltarem para o Autor do casamento, Ele poderá consertar o erro e torná-lo em acerto. Isso acontece e muito. Basta os envolvidos quererem.

Mas e quando um não quer? O outro deve ficar sofrendo a vida inteira?

Não. Deus não impõe esta dor sobre ninguém. Portanto, a minha fé, que não imponho a ninguém, me diz que se eu estivesse num casamento infernal, lutando com todas as minhas forças por uma pessoa que não quer nem a mim, nem a Deus, e nem ao nosso casamento, eu não hesitaria em deixá-la e partir para outra. Repito, eu tentaria de tudo primeiro. Faria minha parte. Buscaria em Deus. Mas se durante um bom tempo eu não visse melhora, eu desfaria o meu casamento de erro.

É claro que esta decisão vem carregada de outras considerações: a idade, os filhos, a fé pessoal, o que já foi tentado, se eu já corrigi meus erros de comportamento, se a outra pessoa sinceramente quer consertar o casamento, condições financeiras, o futuro, e outras mais, dependendo da situação de cada um. Daí você tem que considerar tudo isso e usar a sua fé aliada à sua inteligência para decidir.

No fim das contas, a pergunta que você tem que se fazer é esta: “Qual é a minha fé? O que eu creio?”

Se sua fé lhe diz com toda a certeza que você deve continuar e lutar por seu casamento, então vá em frente. Se sua fé lhe diz, com toda boa consciência, que você já deu o que tinha que dar e está na hora de sair deste inferno, então vá na sua fé.

De uma forma ou de outra, é esta mesma fé que lhe sustentará nos dias que estão por vir, depois da sua decisão.

 

Precisa de um CONSELHO? NÃO deixe seu comentário. Primeiro, leia o post acima com atenção. Veja também mais recursos de autoajuda aqui. Se ainda tiver dúvidas, envie sua pergunta por email para:

email_escoladoamor

 

Compartilhe!
Envie para um amigo

434 Comentarios em “Devo deixar meu marido/esposa? (2)”

  1. osianeį 1 month atras

    Boa noite moro junto. Com meu marido ha quase 3 anos ele me diz coisas horrives eu tbm fico com raiva ai. Comeca abriga me magoa tanto mais o mal q eu ‘a amo mais eu eu não. Aguento. Fica sofrendo. Calada ele e uma ótima pessoa atencioso adoro esta com ele quando não tem brigas ,pq quando brigamos. Vai me desgastando. Poco a poco. Queria. Tanto. Q as coisa não fosse asim oq devo fazer.? Abraços

  2. Olá, sou casado a 9 anos e agora minha esposa está grávida de 7 meses. Há 3 meses estou saindo com outra mulher e no mês passado decidi sair de casa pra viver com essa outra mulher. Hoje tenho muita vontade de voltar pra casa, mas não sei como terminar com essa mulher, pois ela também largou seu marido e eu iria deixar ela sozinha. O que devo fazer? Quero voltar pra casa, mas ao mesmo tempo não quero deixar essa outr mulher, mas tenho muito temor das mãos de Deus sobre minha vida.

  3. Ola sou casada a 2.anos.mais náo aguento mais a iguinoracia no meu marido.ele só que saber dos amigo.ta em bar.quando vou falar que náo estou gostado.ele briga comigo joga guaraná em me.da na minha cara.ir falar sir náo estou gostado e pra eu volta pra casa da minha mãe. Náo sei um que faz.ele náo deixa eu sair sozinha.nem trabalha.estou muito infeliz no meu casamento.náo sei um que e felicidade.
    Me ajude.

  4. Você fala coisa com coisa. Primeiro no tópico “Mas e quando um não quer? O outro deve ficar sofrendo a vida inteira? O teu conselho e que o indivíduo continue lutando. Isso é uma piada, mesmo porque quem quer sair de um relacionamento não aguenta mais o outro. Me poupe cara. Com certeza você não tem formação em psicologia , pois se tivesse não daria esses conselhos.

  5. Renato por favor me ajude! sou casada a 12 anos tenho 2 filhos e tenho um marido muito explosivo e nervoso ciumento e toda vez que se irrita ele me xinga com palavras muito feias,isto me machuca muito,so quero dizer que ja nos separamos mais de 5 vezes e sempre voltamos, mais agora quero separar de vez mesmo mais nao sei se consigo por que quando ele bebi ele munda fica outra pessoa muito agressivo deus já mim deu varios livramento dele por que ele já mim deu varios tiro em mim…não ajento mais por favor mim ajunda…

  6. Sou casada a 1ano de namoro 10anos, estamos brigando por coisas bobas… mas estou desgastada pois meu marido fica me dando um gelo passa semanas sem falar comigo e quando o procuro para tentar beijar ficar junto ele pede pra eu parar… essa frieza tá acabando comigo td vez ele faz issi penso em desistir do meu casamento, fora que sai a noite com amigos td vez q estamos brigados… sei quem são esses amigos e onde ele vai mas não acho certo isso.

  7. Yasmim Cristine 2 months atras

    Oi boa tarde,minha história e muito complicada mais vou tentar resumir..
    Eu conheci meu noivo a sete anos atras desde então estamos juntos com muitas indas e vindas,ele sempre foi muito possessivo de ciumes por mim chega a ser agressivo e por esse motivo nossas brigas são constantes. Em uma dessas indas e vindas engravidei da minha filha que hoje esta com dois anos. Ficamos noivos quando eu estava grávida ainda mais terminamos muitas vezes ainda e ele não assumiu a responsabilidade até hoje em relação a Sara. Tudo bem até ai, mais de uns tempos para cá as brigas pioraram envolvendo família e todo mundo ao nosso redor ainda pelos mesmos motivos ele e muito ciumento eu não posso fazer nada e ele pode fazer tudo e quando ele esta com raiva me humilha na frente de todo mundo e não pensa nas coisas que fala, quando falo isso e que ele simplesmente acaba comigo, e depois se arrepende e eu como amo ele demais sempre desculpo. Em uma dessas brigas ele terminou comigo, depois de menos de um mês ele reapareceu e disse que queria casar que tinha mobiliado o apartamento e tudo mais, e ai demos entrada o cartário, e as brigas continuaram e piores.. Agora esta faltando uma semana para nosso casamento e simplesmente estamos sem nos falar somos dois desconhecidos e quando tento conversar ou algo do tipo sou agredida com palavras e humilhada. Eu não sei o que fazer mais no meu coração minha vontade e de terminar com tudo, eu tenho medo porque amo ele mais tudo isso já passou dos limites eu não sou qualquer pessoa para ser tratada assim, fico pensando o que ele vai fazer comigo dentro de uma casa. Meu sonho era casar com o pai da minha filha pelo menos fazer as coisas de baixo da direção de Deus, fazer as coisas certas já que eu achava que o amor que eu sinto e reciproco, mais eu acho que não e ele só tem um sentimento de posse sobre mim, me ajuda não sei mais o que eu faço :'(

  8. Laura Silva 2 months atras

    Ola Sr. Vou falar como e meu casamento e pesso que me oriente, meu esposo e ate carinhoso comigo mais nao tem dialago comigo, tento conversa com ele, pergunto como foi no trabalho e apenas fala que foi normal e quando falo algo com ele parece que ele nem ta me ouvindo. Nao sei o que eu faco tem vez que da vontade de dezistir pois alem disso quaze nao saimos juntos.

  9. Preciso de um conselho com urgência n sei mais o que fazer estou casada a 11 anos mais com o tempo parece que meu marido me vê como irmã ,nem realação temos mais não posso mais viver assim até traição já perdoei ,só não fui embora ainda por causa da minha filha mas sei que se meu marido n começar a me ver como mulher de novo não vou conseguir agüentar mais e vou deixar ele.Não consigo mais sofrer assim.

  10. Emerson Geraldo 4 months atras

    Amado não sei o que fazer, resumindo o que estou vivendo minha mulher me abandono porque meu enteado se envolveu com droga apenas 17 anos e estava fazendo da casa ponto de droga para fumantes venda tambem e toda qualquer tipo de situações eu estourei essa situação e mostrei a ela o que ela não queria ver sendo que já vinha alertando, a muito tempo ai fui acusado de procurar um tio que e usuário e foi aconselhar o sobrinho depois desta conversa o garoto que esta em cima do altar se revolto contra mim dizendo coisas absurdas o tio disse para o meleque e adolescente ta de boa tem que curtir mesmo ai falei pra ele curtir junto comigo esse tio acabou com o meu enteado e minha vida também ele continuou usando coisas fortes como cocaiana minha mulher se revolto contra mim e foi embora para cuidar do seu filho poxa eu segurei tudo para ela não ser preza a policia já estava de olho no movimento e vieram me avisar e tomar providencia da situação porque os policiais eram meus amigos eu tentei e fiz minha parte protegi os dois ela não enxergou isso e me condena na forma que fiz ir na casa de 2 pessoas conversar com os pais se sabiam o que o filho fazia na casa de outra pessoa eu não errei fui duro sim e sem contar que salvei a vida dele por ter furtado um celular na escola de musica onde estudava ai trouxe o segundo tio na madruga quando minha mulher estava trabalhando ele ficou completamente sem reação diante do que ele viu a atitude dele em primeiro lugar foi tirar eles dali tirou so que eu estou aqui sem nada abandonado porque ela escolheu viver para o filho e me deixou me ajude por favor em nome de jesus lembrando sou líder de louvor e ele e um levita do senhor…..me ajude em nome de jesus….

  11. luana silva 4 months atras

    Estou desesperada com depressão depois de quase 15 anos de amasio meu marido me deixou, alegou que já não estavámos bens e criou esse argumento entre a gente,um mês antes tivemos uma discussão onde ele enquanto eu trabalhava a noite foi tomar cerveja com um amigo e não atendia seu celular , referiu ter esquecido no trabalho, qd cheguei em casa pela manhã fiquei furiosa e acabamos nos separando por 3 dias, voltamos, mas ele não queria voltar queria um tempo na relação, mas me vi mal como em casamento dar tempo isso não existe, na minha criação não e dai 20 dias aconteceu como relatei no inicio ele alegou que já não estavamos bem, me deixou cheia de contas , magoada, jogou inúmeras coisa na minha cara, como eu se não gostasse da familia dele, dos amigos dele e detalhe, seu unico amigo homem veio a falecer , ai tinha amizade com duas mulheres do trabalho e sempre queria coloca-lás na nossa vida, como em folgas queria churrascos juntos, isso me magoou muito , me senti e estou me sentindo péssima, apesar de tudo amo ele , e fiquei mais triste ainda por saber que ele voltou a usar drogas, antes de nos relacionarmos ele já usou, e eu como amiga ainda tirei ele do vicio e dai ele se apaixonou por mim, pra mim que foram essas amizades que estragaram nosso relacionamento e ele não vê assim, falei que ele pode se arrepender um dia de tudo isso, estava a ate pensando em ter um filho ano que vem com ele, so não tivemos antes pq queria esperar condições melhores e essa era a hora, me dê uma direção, vale a pena sofrer por alguém que nem sequer pensou em mim, no nosso relacionamento e decidiu viver a vida como tb me disse que queria ficar sozinho, mas minha familia acredita que ele tenha outra, pq vinha dando alguns sinais como:mais frio comigo, menos paciente e fazendo coisas que me irritava, como querer trazer essas amigas na nossa vida, me ajude , me dê uma orientação. Obg desde já

  12. jeovana Campos 4 months atras

    Eu sou casada e tenho 18 anos e meu casamento por bobagem minha eu acabei de desfaze sem querer, mais agora tou arrependida e quero vouta com ele mais ele ta descepcionado comigo e fala que me ama mais prefira fica sozinho e eu nao sei o que faze agora…

  13. Olá, bom dia. eu e meu marido nos amamos, mas ele tem 2 filhos do 1º casamento e qse ñ brigamos , mas as x brigamos por causa da ex deele e td x q isso acontece ele fica nervoso e ficamos uns 2 ou 3 dias sem se falar. pq será q ele fica assim nervoso? estamos juntos ja á 6 anos e temos um filho de 2 anos. obrigada pela atenção.

  14. Ola sou patricia e tenho 19 anos. Estou com 4 anos em um relacionamento estavel e A mais ou menos um ano meu marido comecou a sair peka a tarde e voltar de madrugada bebado e ele enventa q precisa sair pra algum canto mas na verdade ele vai bebet cerveja por ai ja fiz de tudo ja conversei ja disse a eu ia embora ja chorei ja fiz de tudo tudo mesmo mas ele n muda e eu sou a segunda esposa dele elevtem 38 anos de idade e eu ja pensava de ir embora e no mes de marco descobri q estou gravida ja vou ter a minha bebe no proximo mes. Eu sofro tanto com esse jeito e as veses peco ajuda a Deus e ela parece q n me ouve sinceramentse n sei mas o q fazer eke me diz q me ama mto as veses ele demostra o amor por mim as veses acho q é mentira dele pq se a pessoa ama a pessoa qr ficar por perto qr ficar juntinho mas ele n ele é totalmente ao contrario as veses acho q ele adora ficar longe de mim. E ai o q devo fazer caio fora e vou tentar ser feliz ou continuo tentando??

  15. Bom dia! Sou casada a 6 anos moro com meu esposo e nosso filho de cinco anos. Meu marido é muito tranquila, trabalhador só que muito ambicioso, ta sempre querendo mais e mais. . Parou de estudar aos 17anos e sempre trabalhou muito, temos casa própria e vivemos uma vida tranquila até então, só que ele resolveu fazer um curso de piloto e está muito ausente da família sendo que agora ele vai viajar pra concluir umas horas de vôo e vamos ficar uns meses longe um do outro. Não estou sabendo lhe dar com a situação. Choro fico desesperada. Já tentei me separar por causa disso por achar que ele está me abandonando, sende tenho medo de que ele vá e não volte, que conheça outra pessoa jáqque ele não é muito de demonstra o sentimento por mim. Às vezes acho que ele não liga pra mim e fico muito triste o que faço?

  16. Olá Renato a paz preciso muito da sua ajuda pois já não sei oq fazer sou casada há 4 e meio e tenho um filho de 3 anos sou evangélica e ele não tivemos uma relação bastante conturbada toda vida ele gosta de ir para o bar e fica durante horas e nunca foi romantico e nunca me agradou em nada e agora apaixonei pelo um rapaz da minha igreja e perdi todo amor q eu sentia pelo meu marido e estou lutando muito contra esse sentimento já orei já jejuei e não consigo voltar a gostar do meu marido e sei que não posso largar porque não agrada a Deus mas não estou feliz como eu faço me ajuda por favor tenho medo de divorciar e estar pecando

  17. Ola estava junto com meu marido a vibte anos contando de namiro e morando juntos nao casamos no papel. Temos uma filha separamos em 2011 por causa de uma mulher mad voltamis depois de seis meses mas nessrs seis meses n ficou linge de mim e minha filha. Agora estamos separados a cinco meses novamente por causa da mrsma mulher que n deixou em paz. Eu e minha filha estamos sofrendo muito amo ele mas ele agora se afastou de nos duas e esta com essa mulher. Essamulher destruiu uma familia estamos sofrendo muito pq queremos junto com a gente. O que devo fazer.

Deixe um comentario